Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A "minha" geopolítica .....

Sexta-feira, 20.02.15

Boas!

Aviso de antemão, que aquilo que vou escrever é a minha visão daquilo que vou falar, simplista, se calhar em demasia, prática e se calhar sem me aperceber de fatores e questões importantes, mas é a minha ..... aquela que foi lendo e conversando ....

Muitos sabem, trabalho e vesti a camisola de uma empresa exportadora, 90% do volume de négocios, e ligado ao setor da moda, setor agrícola .... 

Pensaram muitos, e diram de rajada, estão bem então ... não estamos mal, é um fato, mas esquecem-se, ou não sabem, as dificuldades que os exportadores sentem para o fazer, elas são muitas e cada vez mais complexas de lidar, mas adiante.

E de repente, por causa de um país e um porto marítimo, as coisas baralham-se muito, vamos lá então, a Rússia invade a Crimeia, e "faz guerra" com a Ucrânia pelo controlo da Crimeia, isto porque a Crimeia é o maior e melhor porto marítimo da Rússia ......

Esta questão dá as confusões que temos assistido e culmina nas sanções mundiais que a Rússia está a ser obrigada .... e mais importante, vamos lá trama-los e desvalorizamos o petróleo que eles logo aprendem .... isto associado ao fato de alguns dos maiores consumidores energéticos, estarem em desaeleração do seu crescimento.

Na realidade dos exportadores ....
Mercado Russo, quem por lá andava ou tentava entrar naquele imenso mas burocrático, complexo e pouco claro mercado, ficou de novo em stand by, nem somos bem-vindos, nem eles têm capacidade financeira para comprar ... acrescente-se o embargo internacional ...

Com a baixa do petróleo ....

Mercado Angolano, se já andavam numa crise de crescimento, além dos problemas sócios-culturais, quem tem um orçamento de estado 95% em função do petróleo e com a premissa de que este se venderia a 80/90 dólares .... de um momento para o outro, deixamos de ter mercado, porque não há divisas para pagar as importações ....

Os mercados prósperos do norte da Europa, sem que ainda não se tenha falado nisso, tremem também, mais uma vez, também têm uma dependência maior ou menos do ouro negro ... se ele baixa ... os proveitos são menores, mas isso é gerível, mas se adicionarmos decréscimo no consumo interno em alguns produtos, nomeadamente os que são altamente taxados pelos impostos especiais sobre o consumo .... outro mercado com especificidades e dificuldades ...

 

A Europa, está mergulhada nos seus problemas de identidade ou falta dela, e sob o comanda de uma sra só e sob o lema da austeridade, agora que a Grécia, resolveu tentar esbracejar, estamos todos a tremer se o euro dura ou não ...

 

Voltamos ao país irmão, e aí, a coisa também não é famosa, a Dilma ganhou, mas dizem os brasileiros que a coisa foi como de costume, pouco clara, e muito compadre á mistura ... o crescimento já não é, e a recessão anda por lá, a paz social anda longe e segundo as crónicas algo pode acontecer por lá ..... para além de que o petróleo tem um custo de extração de 50/55 doláres.

Os EUA, são o mercado atraente, diferente dos outros, mas ainda continua por lá o espirito o velho espirito Americano e do consumismo em barda, portanto, continuar a crescer por lá .... mas temos de ser bons, sofisticados e empreender a sua mentalidade e em muitos casos a sua legislação, bem diferente da nossa.

Como diz alguém que eu conheço, nos fáceis já lá estamos nós e muitos mais, nos dificeis, é tentar, e ser bom e diferenciador!

Vamos então para o Japão, China e a malta dos olhos em bico (sem ofensas), continua a ser um imenso mercado, mas exigente, profissional e metódico. A língua, usos e costumes, são a barreira, que elimina logo muitos á entrada, os que resistem, têm mais 1001 um desafios ....

Sem se dar por eles, foram crescendo, ocidentalizando-se e sobretudo comprando a divida dos outros e assim sendo, começando a ditar leis ....

Enfim, assim vai a política internacional onde os tugas, á boa maneira dos descobrimentos, vai navegando, tentando lutar por si e pelos erros passados e honrados como sempre, pagando as dividas .... e sobretudo, tentando vender o nosso pequeno cantinho.

No meu dia a dia, tenho de ir analisando tudo isto e muito mais, para perceber por vezes, porque é que os negócios se fazem ou não e sobretudo a circulação ou não dos fluxos financeiros...

Abraços

NC

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por NC-Turças às 23:03


1 comentário

De Kasy a 22.02.2015 às 00:06




Nada do que vale reamente a pena é fácil e as interrelações e sobreposições de interesses misturados com questões de ideologia política ou religiosa .- que é bem mais do que o "terrorismo"...- ameaça extremar posições. Este vai ser um ano de grandes mudanças a todos os níveis. E o pior é que toda a gente sabe isso mas todos correm o risco de serem apanhados de surpresa num clima já de si surpreendente. Muita sorte nos seus negócios!

Comentar post





mais sobre mim


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Fevereiro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728

Nós

154689_1429433146381_1549423573_30937601_1585107_n

Somos Família há...

Daisypath Anniversary tickers

O crescimento da nossa família

Lilypie Second Birthday tickers

quantos nos visitam....

contador de visita

de onde vêm....



links

Mais sobre mim....



comentários recentes

  • Kasy

    Nada do que vale reamente a pena é fácil e as inte...

  • O Pai

    tão fofos :) parabéns, keep counting.

  • O Pai

    Seguir o instinto pode ser perigoso LOLObrigado!

  • O Pai

    Sucesso!

  • NC-Turças

    Bom dia!É um prazer te-la como "seguidora/Leitora"...

  • Blog Profissão Mãe

    Gostei de conhecer a vossa aventura :)

  • NC-Turças

    Boa tarde!Para nós será um prazer "que nos link" n...

  • O Pai

    Também vou ser pai. O ET tem 4 meses dentro da bar...

  • Rita Ribeiro

    O Nuno não percebe nada disso :) A kika também é u...

  • ines

    manda vir ideias :) .....